O Primeiro Plano Estratégico da Guiné-Bissau

2 Dez , 2015   , ,

A Assembleia Nacional Popular da Guiné-Bissau aprovou ontem por unanimidade o primeiro Plano Estratégico realizado não apenas por técnicos, mas também, e sobretudo, com os parlamentares.

As Comissões Especializadas Parlamentares estiveram no centro deste trabalho por ser objetivo da Assembleia o reforço da capacidade de Fiscalização e prestação de contas pelo Executivo. Citamos as palavras de agradecimento ao Pro PALOP TL (projecto PNUD financiado pela Uniao Europeia) dirigidas por Sua Excelência, o Presidente da ANP, Eng Cipriano Cassamá: “A nosso pedido o Pro-PALOP TL colaborou e guiou-nos na elaboração deste plano, mas respeitando e fazendo questão que o plano fosse nosso e não do parceiro. O projecto PRO-PALOP TL seguiu o velho ditado chines ‘ de ensinar a pescar, em vez de dar o peixe`, gesto que apreciei muito e agradeço.”

A discussão e votação em plenário dum plano estratégico aconteceu pela primeira vez, os deputados leram e discutiram o documento em profundidade, dando ainda mais contributos para o Conselho de Administração da ANP incluir no Plano. A apresentação do Plano coube ao Presidente do Conselho de Administraçao, Deputado Amizade Mendes (PAIGC), ao Deputado Caramó Caramá, Deputado Fofana Keita (PAIGC) e Deputado Sola N’Quilin Nabitchita (PRS). O plano contou com a facilitação da Especialista Parlamentar Senior, Elisabete Azevedo-Harman, que se encontra em Bissau, pela segunda vez no presente ano a pedido da Assembleia para colaborar no agendamento do Plano para votação, continuar o trabalho com a Comissão de ética e para colaborar com a Assembleia no acolhimento da UPA – União Interparlamentar Africana.