Um ano depois do golpe de estado – Bissau

11 Abr , 2013   ,

Amanhã faz um ano que Bissau viveu o golpe de estado que ainda perdura… O meu post dessa altura: ‘ vinda da Universidade Colinas de boé. Eram cerca de 20h30 aqui, em Bissau, já noite escura. De onde estava não ouvi os tiros, mas começámos a ver centenas de pessoas a correr desnorteadas a fugir da cidade. De repente, sem espaço, os carros, os táxis, os toca toca começaram a fazer a inversão de marcha. As pessoas passavam entre os carros e gritavam em Kriol, os militares estão na casa do Cadogo. O motorista manteve a calma. Gritava de carro para carro para saber o que se passava. As rádios nacionais deixaram de emitir. No meio da confusão não tive tempo para ter medo, tive medo pelas crianças que tentavam acompanhar os adultos mas que podiam ser atropelados com os carros todos a fazer as manobras mais estranhas no pânico de fugir. Conseguimos fugir por bairros e cheguei a casa. A embaixada Portuguesa pede a todos os cidadãos para permanecerem em casa. Por enquanto ainda há comunicações mas devem estar a ser cortadas. Esperemos que seja mais fumo que fogo, para bem de nós e para bem da Guiné Bissau.’