Zimbabué…

20 Jul , 2013   Video

E porque o meu sábado tem sido passado a analisar, a ler e a escrever sobre o Zimbabué… e porque temo a violência pós-eleições. E porque hoje lembrei-me de alguns dos meus amigos Zimbabuanos que deixaram o seu país por razões económicas, mas também políticas. E porque hoje lembrei-me da primeira festa zimbabuana para a qual fui convidada e onde impressionei os anfitriões quando não hesitei em comer o petisco nacional (mpani, um género de lesma, não muito diferente dos caracóis). E porque hoje me lembrei duma grande amiga Zimbabuana que durante todo o meu doutoramento foi para mim como uma irmã mais velha, e que sempre que ela ia a Harare eu temia que mesmo sendo ex-Zanu e ex-guerrilheira ela não voltasse, e porque hoje me lembrei da vez em que ela foi e ficou vários dias retida no país porque no aeroporto o seu passaporte foi levado para avaliação. E porque hoje me lembrei que um dos meus amigos Zimbabuano ainda hoje me chama ‘tea bag’ seguido quase sempre de uma gargalhada. E porque hoje me lembrei que há uns anos, em Maputo, ter de improviso, servido de intérprete para o embaixador do Zimbabué que falava para estudantes Moçambicanos exaltados com o Presidente Mugabe, ia traduzindo o que lhe diziam e via os seus olhos, e quando me despedi dele não deixei de sentir pena do homem cansado que estava à minha frente. E porque não consigo ler e escrever sobre eleições, partidos, governos, sem pensar em rostos de pessoas reais. E por causa destes ‘porques’, hoje ouvi muitas vezes esta música anti-apartheid da África do Sul.